Cocker Americano

Nacionalidade: Estados Unidos

Descrição: É um cão esteticamente muito agradável. Sua altura mede aproximadamente 39,7 cm para os machos, 36,8 cm para as fêmeas. Seu crânio é abobadado e seu focinho largo e profundo. Lábio superior cobrindo o maxilar inferior; dentadura forte mordendo em tesoura. Suas narinas são bem desenvolvidas, olhos inteligentes e suaves, cuja cor varia de acordo com a cor da pelagem. Orelhas muito longas, onduladas, pendentes; pescoço musculoso, sem papada. Sua cauda é trazida em linha com o dorso, em contínuo movimento.

Pelagem: Possui um pêlo de comprimento médio, de textura sedosa.

Cor: Pode ser negro total, negro-fogo, camurça, creme, ruano, mosqueado.

Temperamento: Alegre, doce, equilibrado, sem neuroses, inteligente, tolerante, amigo inseparável das crianças, obediente, respeitador da autoridade do dono.

Rottweiler

Nacionalidade: Alemanha

Descrição: De corpo forte e maciço, os cães desta raça pedem aproximadamente em ter 60-68 cm e seu peso pode atingir os 50 kg. De cabeça globulosa e muito larga entre as orelhas e maxilares bem desenvolvidos, esta raça apresenta mordedura em tesoura. Olhos marrom-escuros e orelhas triangulares. Se a cauda for muito comprida, deve ser cortada.

Pelagem: De pêlo curto, duro e espesso.

Cor: De pêlos negros com marcas fogo nas faces, no focinho, no peito e nas pernas.

Temperamento: equilibrado, obediente, adestrável, corajoso. Torna-se agressivo apenas quando o dono é ameaçado.

West Highland White Terrier 

Nacionalidade: Grã-bretanha

Descrição: É um pequeno Terrier de construção robusta com tórax profundo e articulações musculosas. Podendo medir aproximadamente 28 cm de altura e seu peso pode variar em torno de 7-10 kg. Seus maxilares são curtos e bem ajustados, mordedura em tesoura, stop pronunciado, crânio levemente convexo. Seus olhos se apresentam escuros e suas orelhas pequenas e eretas. Cauda não cortada e medindo aproximadamente 12,5-15 cm.

Pelagem: Formada de um subpelo macio e denso e, por um subpelo não encaracolado com uns 5 cm de comprimento.

Cor: Se apresenta sempre branca pura.

Temperamento: Corajoso, irrequieto e destemido.

 

Labrador 

Nacionalidade: Grã-Bretanha

Descrição: Os machos medem aproximadamente 56-61 cm de altura e as fêmeas podem atingir a altura de 51-66 cm. Seu peso varia entre 29,5-31,7 kg para os machos e as fêmeas podem atingir peso entre 25-27,2 kg. Tem focinho largo e poderoso, mordedura em tesoura, stop bem marcado, olhos escuros e de olhar suave. Suas orelhas têm comprimento médio, pendentes. Pescoço musculoso e tórax amplo. Sua cauda é comprida, nunca enroscada, pernas de boa ossatura e coxas musculosas.

Pelagem: Pode se apresenta tanto liso quanto ondulado, com franjas e subpelo resistente à água.

Cor: Pode apresentar todas as nuances de ouro e creme.

Temperamento: Ativo, doce, educado, afetuoso e simpático.

Golden Retriever 

Nacionalidade: Grã-Bretanha 

Descrição: É um cão curto e maciço. Su altura mede aproximadamente entre 55-57 cm de altura para os machos e, as fêmeas medem aproximadamente 54-56 cm de altura. Tem cabeça robusta e afilada, nariz preto, mordedura em Tesoura, stop pronunciado. Seus olhos se apresentam nos tons: marrons ou avelã, de expressão inteligente e orelhas pendentes coladas à cabeça. Seu pescoço apresenta-se possante e de cauda com comprimento mediano toda recoberta por pêlo especial curto e denso. Pernas com boa ossatura.

Pelagem: Apresenta-se denso e duro, sem ondulações com subpelo resistente à água.

Cor: Negro, fígado, amarelo, sem pré em cor única.

Temperamento: Vivo, afetuoso e simpático.

Resumo

Saiba mais a respeito de nossos melhores amigos.

O Cão.

A origem dos cães é tão discordante quanto à do homem. Descobertas paleontológicas, feita há milhões de anos, dão conta dos primeiros elementos que protegem a presença do Cão na Terra. Sendo assim, podemos dizer que, na chamada era dos mamíferos, paralelamente aos primitivos macacos, vivia um ser com características caninas, sendo classificado pela ciência como Cynodesmus.

Todas as vicissitudes do homem, na pobreza ou na fartura sempre foram acompanhadas pela presença do cão. Estamos falando de uma amizade entre as mais antigas e duradouras que tenha sido possível anotar na história.

Entre todos os animais domésticos, o cão foi o que mais facilmente se adaptou à vida com o homem, habituando-se a sua presença e aprendendo a obedecer-lhe.

Contudo, criou-se uma relação afetuosa e recíproca entre eles, sendo assim, o cão não poderia mais viver sem o homem, mas sem o cão a existência do homem seria um pouco mais pobre.